follow us

DICAS, Tudo em Iluminação | 18/12/2020

VERSATILIDADE E ESTILO: ARANDELAS SÃO BOAS OPÇÕES PARA MUDAR O VISUAL DA CASA

Arandelas próximas ao chão criam efeitos de luz no projeto da arquiteta Luciana Ballio  |Foto: Emerson Rodrigues

Você sabia que as arandelas podem criar uma iluminação decorativa e ao mesmo tempo funcional em diversos espaços da residência. A Yamamura, referência em iluminação, apresenta as vantagens e características dessa luminária tão prática e elegante, com diferentes modelos, cores e tamanhos. Elas também são ótimas pedidas para quem quer dar uma pequena renovada na casa, sem a necessidade de gastar muito, ou de fazer grandes reformas. Confira mais detalhes!

Para todos os ambientes

As arandelas são bem-vindas em diversos espaços! A recomendação é que elas sejam utilizadas como iluminação auxiliar, e não como única fonte de luz do local. São ideais para reforçar a iluminação de certos pontos, como as áreas de estudos ou laterais de móveis.

Nos ambientes internos, as arandelas valorizam quartos e salas de estar com peças de luzes indiretas, em que a luminosidade é rebatida e depois se espalha para o ambiente de forma leve. Na sala, pode estar junto à mesa lateral, ao lado do sofá, proporcionando uma atmosfera charmosa. Ideia semelhante ao posicionar uma luminária juntamente com a cabeceira da cama.

No projeto da arquiteta Patrícia Cardoso de Mello, este cantinho recebeu uma arandela de design moderno que se harmonizou com a decoração Foto: Emerson Rodrigues

Já para banheiros e lavabos, as arandelas resultam em luzes frontais e difusas, clareando de forma uniforme. Vale posicionar acima ou ao lado do espelho, servindo para auxiliar nas tarefas de higiene pessoal ou maquiagem.

No caso de cozinhas e lavanderias, essas luminárias com luzes pontuais para as bancadas são boas pedidas. Em home offices, os modelos articuláveis são excelentes escolhas para ajudar no trabalho.

No hall de entrada, ou em algum cantinho especial, as peças podem ser posicionadas com o intuito de criar uma iluminação decorativa, a partir da composição a composição de desenhos incríveis nas paredes. Também podem ser instaladas em forma de repetição, destacando ainda mais a entrada dos cômodos.

Quatro arandelas posicionadas verticalmente, uma acima da outra, criam um efeito único à decoração deste ambiente da arquiteta Luciana Ballio Foto: Emerson Rodrigues

Ambientes ao ar livre

As áreas externas também podem receber as arandelas, desde que apresentem Índice de Proteção acima de 65, com maior resistência às intempéries. Quando o produto possui IP65 significa que resiste à poeira e aos respingos d’água. Já o IP66 pode receber jatos d’água, enquanto o IP67 resiste à imersão temporária de uma luminária. Essas luminárias também combinam com as varandas, para compor um espaço de descanso aconchegante. Ou então podem estar em muros dos jardins para fazer o ambiente externo ficar ainda mais convidativo durante a noite.

Vitrine Yamamura

1.   Arandela dourada com design moderno e lâmpada de filamento.
2.   Arandela cromada com led e luz frontal, ideal para a make-up.
3.   Arandela com led e USB para colocar ao lado dos móveis.
4.   Arandela de metal articulável, ideal para home office.
5.   Arandela de madeira imbuia que propicia o aconchego.
6. Arandela de metal branca com efeito de foco.
7.   Arandela preta com led que apresenta luz indireta e difusa.
8.   Arandela de vidro e cobre, ideal para a lateral da cama.
9.   Arandela branca com luz pontual, indicada para bancadas.
10. Arandela de alumínio preto que pode ser ligada direto na tomada.

Diferentes Propostas

As arandelas possuem muitas diferenças na comparação entre seus inúmeros modelos! Isso se deve ao fato de que a sua maior característica, a da versatilidade, permite que ela seja utilizada de várias maneiras e para diferentes objetivos.

No mercado é possível encontrar tanto arandelas com luzes diretas e difusas, em temperaturas de cor mais frias (acima de 4000K), voltadas para as atividades que pedem mais atenção, como aquelas com temperaturas de cor mais quentes, como o branco quente (2700K a 3000K), favorecendo o aconchego e o conforto. Há também modelos que proporcionam luz indireta e difusa, efeito que evita ofuscamento, além de trazer charme sem igual. Já as peças com efeito mais focado (para estudos ou outras atividades específicas) ou de fachos tornam os ambientes cenográficos, com uma atmosfera contrastante entre luz e sombra.

Arandela articulável no quarto projetado pelo escritório Andrade & Mello Arquitetura. À direita, a luminária se destaca no lavabo da arquiteta Ana Yoshida, que proporciona uma luz frontal | Fotos: Emerson Rodrigues

Efeitos

Muitas arandelas apresentam iluminação decorativa conhecida como “efeito de facho”, que aproveita o contato direto da luminária com a parede, para então criar desenhos diferenciados e bem definidos. Atualmente, os modelos de fachos mais comuns apresentam os efeitos uplight (com abertura para cima) e/ou downlight (com abertura para baixo), que transformam os locais de forma incrível. Hoje, há ainda modelos que trazem fachos mais suaves, semelhantes a um “fio” de luz no espaço, que revelam um desenho inovador. Ou ainda as arandelas com determinadas texturas na própria peça que naturalmente geram efeitos suaves, criando uma atmosfera diferenciada.

 Na imagem arandelas apresentam efeitos de fachos “uplight”, “downlight”
 e de “fio”de luz
| Divulgação Yamamura

Fácil Instalação

As arandelas são fáceis de serem instaladas. Para isso, basta desligar a corrente elétrica e ligar os fios da peça com os do local. Depois, é só furar e parafusar a estrutura da arandela na superfície, inserir as lâmpadas (caso a peça não possua LED integrado) e então ligar novamente a corrente elétrica para testar o produto. Há também no mercado alguns modelos conhecidos como “plug and play”, que são ligados diretamente na tomada.

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo.

Fechar